Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Discos Pedidos

10:15 11:30

Atual

Discos Pedidos

10:15 11:30

Background

1500 alunos de Moura participam hoje no exercício “A Terra Treme”

Escrito por em Novembro 9, 2022

E em caso de haver uma situação real de sismo, quais os procedimentos prioritários que deve adoptar? Certamente já se questionou sobre o assunto. A resposta está na 10º edição do Exercício A Terra Treme, que acontece hoje a nível nacional às 11h09 e pretende sensibilizar a comunidade para o risco sísmico.

A acção decorre durante um minuto e os participantes, a título individual ou colectivo (famílias, escolas, empresas, instituições e associações), são convidados a executar os três gestos de autoprotecção: Baixar, Proteger e Aguardar.

O exercício anual, organizado pela Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil, em colaboração com diversas entidades públicas e privadas, visa capacitar a população e saber como deve agir antes, durante e depois. As medidas preventivas e os comportamentos de autoprotecção a ter, são essenciais em caso de terramoto.

O Comandante Operacional Distrital de Beja, da Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil, Carlos Pica, em conversa com a Planície, chamou a atenção para a “importância das pessoas se consciencializarem enquanto primeiro agente de Protecção Civil”, isto é, “o cidadão tem de se proteger a ele, aos colegas e familiares e não pode estar à espera que venham os agentes”. Alertou ainda para que sejam cumpridas “as indicações das entidades, que marcam a diferença na salvaguarda ou não das pessoas”.

A comunidade escolar tem tido uma forte adesão nesta acção, onde se tem envolvido a Direcção-Geral da Educação (DGE) e da Direcção-Geral dos Estabelecimentos Escolares (DGEsTE).

No Agrupamento de Escolas de Moura, são cerca de 1.500 os alunos que participam no exercício. A mensagem foi-lhes passada, mas sem grandes detalhes. A ideia é mesmo pô-los à prova perante uma situação real, esclareceu o director do agrupamento, Rui Oliveira. “Um terramoto não acontece quando nós prevemos. Queremos analisar o comportamento das turmas a meterem-se debaixo da mesa aproximadamente um minuto. Depois, também vão fazer a evacuação da escola, onde os alunos saem das salas de aula em fila indiana e vão até ao campo de jogos, quer da escola básica, quer da secundária”.

As escolas de Moura participam hoje no Exercício A Terra Treme, com aproximadamente 1.500 estudantes.