A tocar

Title

Artist

No ar

No ar

Background

“Festival Andanças” está de volta às margens de Alqueva

Escrito por em Julho 30, 2022

São quatro dias, de 18 a 21 de Agosto, para dançar com o regresso do “Festival Andanças”, em Campinho, uma aldeia do concelho de Reguengos de Monsaraz, com música, bailaricos e reencontros culturais. A “viagem” pelos vários cantos do mundo, são a imagem de marca do festival.

Das danças africanas aos bailes mandados, do forró às danças irlandesas ou às chamarritas dos Açores, as manhãs e os finais de tarde vão ser dedicados às oficinas de dança. Os concertos começam às 17h00 e os bailes às 22h00 e prolongam-se pela madrugada.

As oficinas criativas, de instrumentos e de relaxamento, as conversas, as sessões de contos e passeios, além do habitual “espaço criança”, na Sociedade Recreativa Campinhense, é a programação para estes dias de cultura tradicional e do mundo da Associação PédeXumbo, entidade organizadora.

No Campinho, de olhos postos na planície alentejana e na albufeira de Alqueva, o Andanças terá sete espaços de programação com quatro palcos e irá aventurar-se por espaços menos convencionais, como o antigo lavadouro, onde irão decorrer as oficinas criativas e de instrumentos e para onde estão marcadas conversas e os primeiros concertos de cada dia, às 17h00, com A Urtiga (dia 18), Malino (19), Djara Djara (20) e CaosArte (21).

As apostas continuam a ser as de sempre: dança e música, voluntariado, comunidade e sustentabilidade, num espaço com lotação para 1500 pessoas.