A tocar

Title

Artist

No ar

Hora H

19:00 19:59

No ar

Hora H

19:00 19:59

Background

Preço do milho pode descer na região do Alentejo

Escrito por em Julho 25, 2022

Já foi assinado em Istambul (Turquia), o acordo entre Moscovo e Kiev para permitir novamente as exportações de cereais bloqueados na Ucrânia. Para a região do Alentejo, as negociações podem significar uma diminuição dos preços do milho para os produtores.

Com a noção do que este acordo representa para a soberania alimentar, o presidente da Associação de Agricultores do baixo Alentejo, Francisco Palma, traçou um cenário do que pode vir a acontecer: “Para a região do Alentejo, uma região produtora de cereais, infelizmente hoje em dia, produz muito menos do que já produziu, porque há outras culturas com mais rentabilidade”, mas a nível do País, “Portugal, importa mais de 90% das suas necessidades de cereais e grande parte do milho que era importado, vinha da Ucrânia”.

Com o desbloqueio, “eventualmente o preço do milho vai baixar ao produtor”, afirmou o empresário agrícola, e esse facto, vai ter consequências. “Os milhos já estão semeados, alguns quase a terminar o ciclo, daqui um mês e meio, com custos de produção muito altos em relação à campanha passada, nomeadamente de energia, gasóleo e adubos”.

Com estas despesas, é expectável que os agricultores sejam os mais prejudicados: “O milho vai duplicar o valor da conta da cultura. Os agricultores menos precavidos, vão ganhar muito pouco com esta campanha, se os preços do milho descerem com a abertura do mercado ucraniano”, ressalvou Francisco Palma.