A tocar

Title

Artist

No ar

Caprichos da Noite

00:00 05:59

No ar

Caprichos da Noite

00:00 05:59

Background

Fixação dos jovens no Alentejo é ponto de destaque no Sínodo da Diocese de Beja

Escrito por em Junho 22, 2022

Em 2021, durante o Sínodo (reunião) dos Bispos no Vaticano, presidida pelo Papa Francisco, o chefe da Igreja Catóclia, requereu um processo inédito de consulta, com assembleias diocesanas e continentais até 2023.

A Comissão Sinodal do Diocese de Beja, criou uma página no Facebook e no Google Sites, onde está disponibilizada a documentação referente à auscultação do Sínodo, para que a informação chegasse a toda a Diocese e não apenas aos católicos, informou a Diocese de Beja.

Nesse sentido, a diocese refere que recebeu contributos de 21 paróquias, de alguns Movimentos, de Congregações religiosas e também contributos individuais, representativos dos 6 Arciprestados que compõem a Diocese de Beja, embora seja de assinalar a ausência, bastante significativa, de muitas das 118 Paróquias, algumas das quais Sedes de Concelho.

Os resultados apresentados foram conclusivos de uma realidade que não é novidade, demonstrando que “o Alentejo não consegue fixar os seus jovens e a população mais qualificada, os quais continuam a procurar no Litoral e nas grandes cidades, as respostas que não encontram no seu local de origem”.  Esta “evidente desatenção do Estado Central para com o interior, o qual se vai gradualmente despovoando, envelhecendo, e perdendo, assim, a capacidade de atrair e fixar jovens e famílias, que se poderiam tornar vetores de mudança e de esperança”, são apontamentos a ter em conta no documento da Diocese de Beja. É ainda referido que “a desertificação humana e o empobrecimento são notas comuns, com a exceção dos Concelhos do Litoral e algumas “ilhas” no restante território diocesano, mormente na zona de Beja”, menciona o texto enviado pela Diocese de Beja.

A situação mostrada com esta pesquisa, apresenta uma contradição “com o facto de o Baixo Alentejo e o Alentejo Litoral estarem entre as NUT III, que nos últimos anos têm vindo a alcançar um dos valores mais elevados do PIB per capita a nível nacional, assim como uma das mais elevadas produtividades”, destaca o documento.

A ter em conta que estas são algumas das conclusões do documento no ponto referente à apresentação de resultados da Diocese de Beja, nesta que é uma auscultação feita à escala mundial lançada pelo Papa Francisco, para que haja uma atitude de maior aproximação das pessoas que estão longe da igreja.