A tocar

Title

Artist

No ar

Miga-lhe Sopas

09:00 11:59

No ar

Miga-lhe Sopas

09:00 11:59

Background

O Alentejo aposta na internacionalização turística do sector náutico

Escrito por em Março 22, 2022

As Estações Náuticas do Alentejo apresentaram, ontem, dia 22 de Março, a sua oferta náutica a operadores turísticos e imprensa escandinava.

Depois de uma presença de sucesso na maior feira de turismo da península escandinava no passado mês de Fevereiro, as Estações Náuticas do Alentejo, constituídas por Avis, Moura, Odemira, Reguengos de Monsaraz e Sines marcam presença na embaixada de Portugal, em Estocolmo, para apresentar a sua rede de oferta turística náutica a operadores turísticos de referência e imprensa especializada.

Segundo referiu à Planície o presidente da ADRAL (Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo), João Grilo, “esta visita faz parte do Programa Global de Promoção Externa das Estações Náuticas do Alentejo, que a ADRAL tem a responsabilidade de promover”.

Nesse sentido, a presença em Estocolmo, tem como objectivo “chegar a operadores turísticos nestes países e que depois conheçam e percebam a oferta que existe na região e que tirem disso partido”, adiantou João Grilo e reforçou que a ideia, “é promover as Estações Náuticas junto das populações locais e que isso se traduza em visitas ao longo do tempo”.

A rede de parceiros das cinco estações náuticas integradas neste projecto de internacionalização do sector náutico no Alentejo, envolve cerca de 165 entidades, entre as quais estão representadas empresas de animação turística e operadores marítimo-turísticos, agências de viagens, alojamento local, empreendimentos turísticos e restauração.

Recorde-se que esta visita é realizada no âmbito da campanha de internacionalização das Estações Náuticas do Alentejo, promovida pela ADRAL e pelo Sines Tecnopolo, no âmbito do projecto “Internacionalizar + Estações Náuticas do Alentejo” cofinanciado pelo Fundo de Desenvolvimento Regional do programa ALENTEJO 2020, com a parceria dos Municípios de Avis, Moura, Odemira, Reguengos de Monsaraz e Sines e o apoio da Agência Regional de Promoção Turística do Alentejo e do Fórum Oceano.

O presidente da ADRAL, João Grilo, reforçou assim a importância das Estações Náuticas do Alentejo para o turismo da região.