A tocar

Title

Artist

No ar

Caprichos da Noite

00:00 05:59

No ar

Caprichos da Noite

00:00 05:59

Background

Distrito de Beja mantêm-se em seca extrema

Escrito por em Março 21, 2022

Segundo a monitorização da seca meteorológica do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, (IPMA), referente à primeira quinzena do mês de Março, houve um aumento dos valores de percentagem de água no solo, mais significativo no Litoral Norte e Centro; nas regiões mais interiores, Trás-os-Montes e Beira Alta e em grande parte da região Sul não houve variações muito significativas.

A 15 de Março 77 % do território estava nas classes de seca severa e extrema, sendo o valor de precipitação acumulado desde o início do ano hidrológico muito inferior ao valor médio.

Em grande parte da região Sul não houve variações muito significativas mantendo-se os valores inferiores a 20 %, com alguns locais dessas regiões a atingirem o ponto de emurchecimento permanente.

De acordo com o índice PDSI2 a 15 de Março verificou-se um desagravamento da intensidade da situação  de seca meteorológica, em especial na região litoral Norte e Centro, estando agora grande parte da região na classe de seca moderada. No restante território mantêm-se as classes de seca severa e extrema sendo de realçar os distritos de Setúbal, Beja e Faro, que se mantêm em seca extrema.

Desta forma a distribuição percentual por classes do índice PDSI no território é a seguinte: 3.9 % em seca fraca, 18.9 % em seca moderada, 50.4 % em seca severa e 26.8 % em seca extrema.