A tocar

Title

Artist

No ar

Caprichos da Noite

00:00 05:59

No ar

Caprichos da Noite

00:00 05:59

Background

Distrito de Beja regista valores inferiores a 20% de água no solo

Escrito por em Janeiro 10, 2022

Segundo o Boletim do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, (IPMA), o mês de Dezembro de 2021 foi o 4º Dezembro mais quente desde 1931.

O mês foi caracterizado por valores diários de temperatura máxima e mínima do ar quase sempre superiores ao valor médio mensal, em particular a temperatura máxima. De destacar o dia 31 com valores muito altos da temperatura máxima, tendo sido ultrapassado ou igualado os respectivos anteriores máximos de Dezembro em cerca de 10 % das estações do Continente.

De realçar o valor de Zambujeira, 26.4 °C que é um novo máximo para esta estação e constitui um novo extremo para o mês de Dezembro em Portugal continental desde 1941, Beja registou 22º.

O valor médio da quantidade de precipitação em Dezembro, inferior ao valor normal 1971-2000, correspondendo a 65 %.

Durante o mês de realçar o dia 20, com precipitação por vezes forte e acompanhada de trovoada nas regiões do Barlavento Algarvio, Baixo Alentejo e a região de Setúbal e Vale do Sado; e o período entre 23 e 26 com ocorrência de precipitação moderada e persistente nas regiões do Norte e Centro.

No final do mês de Dezembro 94 % do território estava em situação de seca meteorológica Verificou-se uma ligeira diminuição da percentagem do território na classe de seca severa e um aumento na classe de seca moderada. Verificou-se, em relação ao final de Novembro um aumento em todo o território dos valores de percentagem de água no solo, em particular nas regiões do Norte e Centro, como consequência dos valores de precipitação que ocorreram durante este mês.

Na região Sul também se verificou uma recuperação dos valores de percentagem de água no solo, no entanto