A tocar

Title

Artist

No ar

No ar

Background

Hoje sinaliza-se o Dia Europeu da Protecção das Crianças contra a Exploração e o Abuso Sexual

Escrito por em Novembro 18, 2021

Assinala-se hoje, 18 de Novembro, o Dia Europeu da Protecção das Crianças contra a Exploração Sexual e o Abuso Sexual, criado em 2015 por decisão do Conselho de Ministros do Conselho da Europa.

O tema central da edição de 2021 é “Tornar o círculo de confiança verdadeiramente seguro para as crianças”.

A maioria dos abusos sexuais são cometidos por pessoas que as crianças conhecem e com quem convivem.

A presidente da CPCJ de Moura, Marisa Ferreira, referiu à Planície que esta campanha “resulta de um estudo, que foi feito pelo Conselho da Europa, que se designa one in five, que significa que uma em cinco crianças, são vítimas de exploração ou abuso sexual”.

E adianta que esses actos podem “atingir várias formas, como a pornografia ou a sujeição ou exploração à pornografia, a prostituição infantil, o aliciamento sexual via internet, são factores que colocam a criança em risco e em perigo. A exploração ou abuso sexual não é evidente por si só. Até que a criança dê mostras de que isso está a acontecer na sua vida, é um processo que demora algum tempo”.

Em relação a existirem denúncias sobre casos em crianças no concelho de Moura, a responsável da CPCJ de Moura frisou que “a nível do concelho, não é uma situação que seja muito frequente, o que não invalida que não exista. É sempre um crime que é bastante ocultado, pelo facto de acontecer no seio familiar em pessoas de confiança para a criança”.

Sobre a sinalização deste dia em Moura, Marisa Ferreira sublinhou que “a Escola Profissional de Moura, achou o tema bastante interessante e resolveu passar um filme alusivo à temática, que foi facultado por nós e posteriormente realizar um debate em assembleia sobre o vídeo. Em paralelo será também discutida a questão da homofobia e empatia, os conflitos entre jovens e a violência e abusos sexuais. Serão também afixados cartazes na Escola, alusivos à temática”.

Para a campanha deste ano, a Comissão Nacional de Promoção de Direitos e Protecção das Crianças e Jovens realizou um vídeo/spot, alertando a sociedade civil para este problema grave e de ampla dimensão, transversal a todas as classes sociais.