A tocar

Title

Artist

No ar

Caprichos da Noite

00:00 05:59

No ar

Caprichos da Noite

00:00 05:59

Background

Cidália Figueira assume-se vereadora independente na Câmara de Moura

Escrito por em Novembro 9, 2021

Cidália Figueira, que foi cabeça de lista pelo CHEGA, nas últimas eleições autárquicas, tendo sido eleita vereadora na Câmara de Moura, deixa o partido e passa a independente.

Cidália Figueira referiu à Planície que “ao longo da campanha, acho que foi notório, não só por parte da população, como também da comunicação social, que eu a candidata, andava sempre sozinha, nas arruadas, chamemos-lhe assim. Tinha apenas um companheiro, que é o segundo da Assembleia Municipal, que se mantém na bancada do CHEGA. Era a única pessoa que me acompanhava, o Rui Rodrigues”.

E salienta que “os candidatos que faziam parte do executivo, pouco ou nada participaram comigo nas iniciativas”. A candidata adianta que “começaram a existir divergências políticas, não só da parte dos candidatos como sobretudo da distrital. Isso acabou também por interferir um pouco com o próprio André Ventura e o Secretário Geral, porque eu reportava sempre, as questões que me desagradavam ao André Ventura. Nunca vi alterações nas atitudes doa candidatos, nem da distrital”.

Cidália Figueira sublinha que “na véspera da tomada de posse, surgiu uma reunião em que estavam presentes alguns elementos, que fazem parte da bancada da Assembleia Municipal, onde estava André Ventura. Tivemos uma conversa, mais séria, sobre o balanço de toda a campanha, onde manifestei novamente o meu desagrado de tudo o que se tinha passado. O presidente do partido, garantiu-me que, tinha havido de facto alguns desentendimentos, mas que iriamos por um ponto final na situação e que após a tomada de posse, as coisas seriam sanadas e ia haver uma viragem para que houvesse união”.

Em relação ao que se passou na tomada de posse, que teve lugar em Santo Aleixo da Restauração, adianta que “ninguém me cumprimentou da minha bancada, inclusivamente André Ventura. Ora as conclusões são fáceis de tirar. Vi que não houve qualquer interesse na minha pessoa e uma vez que isso aconteceu, decidi comunicar ao partido. Eu como candidata independente do CHEGA, não sou militante do partido, resolvi passar a vereadora independente inscrita. Embora me reveja na ideologia política do CHEGA, não me revejo nas atitudes que tiveram comigo”.

Recordamos que Cidália Figueira foi eleita vereadora na Câmara Municipal de Moura pelo CHEGA, sendo agora vereadora independente.